‘Não conseguimos dissociar turismo do meio ambiente preservado’, diz ministro – Mercado & Eventos

8a27ad9f-0c35-41be-8c1f-598d1e63eddd

Machado Neto salientou a importância da vacinação e da mudança de comportamento em relação à adoção de protocolos (Roberto Castro/MTur)

O ministro do Turismo, Gilson Machado Neto, falou sobre os desafios e ações do governo federal para a retomada do setor em participação no programa “Sem Censura da TV”. Gilson citou várias medidas adotadas pelo governo federal para proteger o setor dos graves impactos da pandemia e destacou a crescente procura por turismo de natureza em todo o mundo, o que deve fazer do Brasil uma referência no mundo.

“Antes da pandemia, a cada 100 buscas no Google referente a turismo, dez eram por turismo de natureza. Atualmente, esse número aumentou para 54 a cada 100. E em turismo de natureza, nada se compara ao Brasil”, disse. “Não conseguimos dissociar turismo do meio ambiente preservado. O próprio turista quer viajar pelo Brasil e ver que a fauna e a flora estão preservadas”, comentou Gilson, lembrando que 66% do território brasileiro continua coberto com vegetação nativa.

Sobre a retomada do turismo e as ações para o pós-pandemia, Machado Neto salientou a importância da vacinação e da mudança de comportamento das empresas turísticas e dos próprios visitantes em relação à adoção de protocolos de biossegurança. “Conversei com o ministro Marcelo Queiroga e ele disse que até setembro 100% da população economicamente ativa estará vacinada com pelo menos uma dose”.

Tags: No tags

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *