Turismo Rural – Jornal O Popular do Paraná

Quando pessoal da perfetura disseron que indo ponhar a minha propriedade no roteiro de turismo rural, pra que gente da cidade venhon conhecer como que nóis vivemo na roça, primero iéu pensando que iéste Turismo Rural sendo gente que vindo de Rural mesmo, a SUV de polaco!! Mais quando se achegando um ômbinus intero, lotado de gente de tudo que sendo espécie e parando no terero, me deu uns cinco tipo de medo!!!

Mas como pessoal da perfetura disseron que quando vindo os turista iéra só contar pra que as coisa servindo e se tiver alguma curiosidade sendo pra falar, me dexando mais tranquilo.

Enton família com duas criança que tavon no galinheiro e o pai falando pros filinho, olha as galinha, son iestas que Mamai faz assada e frita pro almoço. E uma das criança com os zóio esbugalhado dizendo que non, que as galinha que a Mamai fazendo són dos pacote do supermercado. Enton pra acabar com qualquer dúvida da criança e confirmar a história do pai dela, iéu pegô um facon, levou uma as galinha pro cepo e cortou cabeça fora, galinha ainda se bateu um poco, deus uns passo até cair morta e ensanguentada no chon. Familia intera começaron gritar que nem uns loco, tapando os zóio das criança, dizendo que iésto sendo um filme de terror. Mas o que que ieles querion que iéu dizendo? Que as galinha von tudo por livre e espontânea vontade pro frigorifico, ficon pelada e se suicidam pra entrar no pacote do supermercado?

Daí uma velha meio gordinha, se equilibrando nons salto alto, cherando prefume cachimir buquet, preguntando onde ficando toalete? Olha dona, aqui só tendo casinha, só pegar carero. Enton Senhora perguntando se dentro da casa tendo banhero? Iéu falando: zoia, no quarto tendo um pinico mas se for pra cagar só na casinha que iéu dexando sabugo lavado.

Enton iéu vendo que tendo umas pessoa bebendo água de poço na canequinha de aluminho, foi se achegando e dizendo que cuidado com o poço porque tendo uns 13 metro de fundura, que já morendo 2 parente que caindo e se ponhar a cara pra drentro ainda podendo iscuitar os grito de socoro!!

Desgracera Mésmo!!! Non sei porque! Mais nunca mais aparecendo aqui em casa nenhum destes ômbinus de turismo Rural!!

Publicado na edição 1271 – 22/07/2021

Tags: No tags

Add a Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *